Na segunda-feira acordei junto com a Leila, tomamos um café e saímos. Ela para o trabalho em Canary Wharf e eu para a escola de inglês em Holborn. Para ir aqui de casa para lá é bem simples: pego um DLR em direção sul até Poplar, troco de plataforma, pego DLR para Bank, lá troco pela Central Line (linha vermelha) e ando 4 estações até Holborn.

O mundo está ficando pequeno. No domingo encontrei o Arthur, meu colega de 2º grau, trabalhando no Guanabara. No primeiro dia de aula, encontro um amigo de infância do meu irmão, o Ricardo, na minha turma. Ele já está aqui faz alguns meses e daqui a pouco já vai embora.

A aula foi ótima! O meu professor é super bacana, um inglês gente boníssima chamado Robert, ou Rob. A turma é pequena, são uns 10 colegas – sendo só eu e o Ricardo de brasileiros. O resto é japonês, chinês, coreano, francês, espanhol, peruano, mexicano e outros lugares latinos. O nível de inglês geral é bom, mas tem gente bem fraca, e gente com inglês muito bom, como o Ricardo. Eu fico pelo meio, mas devo melhorar logo.

Apesar de serem 3 horas, passou bem rápido. Uma moça que organiza as atividades culturais da escola entrou no meio para falar da programação da semana. Fiquei bem empolgada, eles fazem days trips para cidades próximas e conseguem preços muito bons para musicais e peças de teatro. Vou escolher alguma coisa para fazer com a escola e ver se faço alguns amigos.

Fiquei um pouco pela escola, usando a internet, e depois, saindo de lá, passei em um mercado que tem na esquina, o Sainsbury’s, e comprei um sanduíche e um suco de almoço. Depois, fui a pé pela New Oxford Street até Tottenham Court Road para dar uma olhada nos preços dos eletrônicos. As coisas aqui não são tão caras, mas o preço da libra não colabora em nada. Enquanto eu não estiver trabalhando, o dinheiro que tenho veio de reais, então tem que ser tudo bem ponderado.

Depois de saber que a Leila já tinha saído do trabalho, fui encontrá-la em Canary Wharf. De lá, fomos em um supermercado que fica a algumas estações de metrô dali, em Crossharbour. O Asda é uma rede de supermercados econômica, com vários produtos de marca própria bem baratinhos. Fiquei impressionada com um pacote de massa tipo miojo a 0,20p, entre outras ofertas incríveis.

Ajudei a Leila com as compras e ainda fiz umas pra mim (comida congelada, iogurte, bolachas, água, etc.). Não quis comprar muita coisa até que eu tenha um lugar definitivo pra ficar e não ter que carregar tudo sozinha na mudança. Adorei esse super! Tem também uma lanchonete bem em conta, uma farmácia e caixas eletrônicos.

Fomos para casa, guardamos as coisas, tomamos banho, jantamos um lanchinho e descansamos (já que o findi tinha sido intenso). Contatei alguns lugares para alugar quarto e durante a semana vou conhecer pessoalmente. Se gostar de algum, devo me mudar logo.