Dando continuidade ao relato da nossa Eurotrip, após a conexão bem aproveitada em Lisboa, pegamos um voo a Berlim no dia 11 de dezembro de 2016 à noite, chegando no aeroporto Schoenefeld já tarde, de onde pegamos um táxi para o nosso hotel. Ficamos hospedados no Leonardo Hotel Berlin (Wilmersdorfer Str. 32, 10585 Berlin, Alemanha) durante 4 noites e foi uma excelente escolha: ótimo custo-benefício, quarto super espaçoso, café da manhã delicioso, bem localizado (a uma quadra do metrô) e com tudo pertinho (farmácia, mercado, etc.).

 

 

No primeiro dia, fomos direto para a região da Kurfürstendamm, uma rua de comércio com diversas lojas bacanas, onde eu queria comprar um casaco mais pesado para o resto da viagem (fomos na Uniqlo, uma loja maravilhosa para roupas básicas e quentinhas) e onde o Léo queria ver alguns acessórios eletrônicos (fomos na Saturn, uma mega loja de eletro, tipo a Best Buy americana, só que alemã!). Descemos na estação Wittenbergplatz e caminhamos até a Kaiser-Wilhelm-Gedächtnis-Kirche, passando pela KaDeWe, uma loja linda e enorme de departamentos. Interessante que quando saímos de manhã estava ~chovendinho~ e já perto do meio-dia o tempo abriu e ficou perfeito!

 

 

O mercado de Natal da igreja Kaiser-Wilhelm-Gedächtnis é aquele que, uma semana depois da nossa visita, sofreu um atentado terrorista (um louco atropelou o mercado com um caminhão). Esse foi nosso primeiro contato com um mercadinho de Natal alemão, nosso primeiro Glühwein, nossa primeira xícara (das 15 que trouxemos dos mercados!) – simplesmente inesquecível! Uma judiaria pensar no clima festivo desses mercadinhos e como uma pessoa quis fazer uma coisa daquelas (emoji da lagriminha).

 

 

Dali fomos de metrô para almoçar no Burgermeister, um burgão delícia famoso de Berlim – realmente sensacional! O lugar é muito roots, combina totalmente com a cidade, e o burgão gostosão! Fica embaixo de uma ponte perto da estação Schlesisches Tor, mas não se engane pelas aparências, é muito bom mesmo!

 

 

O lugar fica do outro lado do rio da famosa East Side Gallery, uma parte grande do antigo Muro de Berlim toda pintada por artistas. Caminhamos por ali até chegar na estação Ostbanhof, de onde pegamos o metrô para Alexanderplatz, região super animada (e lotada de gente e comércio!) onde fica a famosa Torre da TV. Ali fomos na Decathlon comprar mais umas roupinhas térmicas baratinhas para enfrentar o friozão europeu.

 

 

Depois já ficamos para aproveitar o mercadinho de Natal da região que estava lindo e com muitas comidinhas deliciosas! Tomamos Glühwein (mais uma xícara!), comemos crepe de nutella, batatas, pão com linguiça, tudo que temos direito numa feira dessas! O clima é uma delícia, as pessoas super felizes comendo e bebendo, as crianças brincando no carrossel ou na pista de patinação, uma música natalina tocando no fundo, tudo contribuindo para a sensação maravilhosa que a gente tem nessa época do ano! Os alemães celebram o Natal como ninguém!

 

 

Já apaixonados pela cidade e pelos mercadinhos, voltamos para o hotel para dormir e recarregar as energias para o dia seguinte! Continuem acompanhando o relato da nossa viagem que logo logo tem mais por aqui!

Nota: infelizmente bem no finalzinho dessa viagem fomos roubados e perdemos muito material. Alguma coisa conseguimos recuperar, mas o backup principal estava no meu notebook e no meu iphone que ~se fueram~ nessa roubada. Então ~desculpa aí~ se faltarem fotos e vídeos que dão sentido à sequência dos relatos.

Um beijo e até mais!

 

17 comments on “Primeiro dia em Berlim”

  1. Duas tristezas: o atentado uma semana depois da ida de vocês (deve ter sido um alívio para vocês, né?) e o roubo no fim da trip…
    Infelizmente, são coisas que acontecem.

    Mas graças a Deus a memória é algo que fica e as experiências não podem ser roubadas. E essas de vocês estão demais! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *